Jennifer Lopez eleita ícone de estilo

5 de junho de 2019

D.R.



Jennifer Lopez é conhecida pelo seu estilo elegante, irreverente e ousado, que chama a atenção. Desta vez não foi excepção, durante a cerimónia anual dos Council of Fashion Designers of America, realizada em Nova Iorque, a cantora foi homenageada pelo seu estilo. 

D.R.
Os CFDA Fashion Awards, são considerados os "Óscares do mundo da moda" e têm como objetivo premiar as melhores e mais criativas personalidades da indústria. De todos os prémios entregues, o de ícone de estilo é o mais importante e, por isso, é também o mais aguardado. Para receber o prémio, JLo, com quase 50 anos, pousou na passadeira vermelha do Brooklyn Museum com um look laranja da Ralph Lauren, composto por duas peças, um top cropped e uma saia comprida. A cantora partilhou ainda nas suas redes sociais uma imagem do seu look, referindo que o "laranja é o novo preto". Também Steven Kolb, presidente da CFDA, disse que o estilo de Jennifer é "impecável e sempre memorável".



No total, foram entregues 11 prémios dos quais destacamos, Brandon Maxwell, designer de moda feminina, Rick Owens, designer de moda masculina, Mary-Kate e Ashley Olsen, designer de acessórios, e Emily Adams Bode, novo designer. O Prémio Internacional de Valentino Garavani e Giancarlo Giammeti foi ainda entregue à britânica Sarah Burton.







Veja ainda esta sugestão para todas todas as mulheres que pretendam encontrar o seu estilo: mulheres vestido maxi longo


- Joana Beja

O escândalo que está a abalar a internet

16 de maio de 2019


James Charles, um jovem youtuber de 19 anos, é o protagonista do mais recente escândalo do mundo digital. Tudo aconteceu no maior festival de música da Califórnia, Coachella, quando James fez uma publicidade à marca Sugar Bear Hair, uma empresa que comercializa vitaminas que ajudam a dormir e que é a concorrente directa da marca Halo Beauty, criada por Tati Westbrook. O artista mencionou que a marca o contactou e que as suas vitaminas o ajudaram a controlar a sua ansiedade. Contudo, num vídeo partilhado por Tati Westbrook no seu canal de youtube, esta revelou que o youtuber colaborou com a marca para poder ganhar o passe de artista no festival Coachella. 
Apesar de parecer apenas uma pequena "briga" entre youtubers, a verdade é que esta história já teve repercussões substanciais nas suas redes. Depois de Tati Westbrook ter partilhado um vídeo de 43 minutos onde revelou alguns dos seus escândalos, este já conta com mais de 45 milhões de visualizações. Do mesmo modo, o jovem youtuber já perdeu cerca de três milhões de seguidores, tendo batido o recorde do youtuber que perdeu mais seguires em tão pouco tempo. Por oposição, Tati Westbrook ganhou até agora cerca de 4 milhões de seguidores, sendo que depois do seu testemunho mais celebridades vieram a público falar sobre o caso, nomeadamente, Jeffree Star.


- Joana Beja

May Wishlist

1 de maio de 2019

Depois de um mês de abril chuvoso, esperamos que maio nos traga uma preview do verão que está quase aí.

Verão rima com passeios, e já andamos a sonhar com a combinação vestido branco com chapéu e malinha de palha. Verão são também dias de praia, um ótimo local para pôr a leitura em dia, com o barulho das ondas como banda sonora. Sugerimos o mais recente livro de Mark Manson, "Está tudo F*dido." Depois do sucesso de "A arte subtil de dizer que se F*da", acreditamos que este também não vai desiludir. 

Para esta primavera e verão não podemos também deixar de falar da marca de ténis do momento: a Veja. Com ténis feitos de materiais sustentáveis, respeitando os tempos de produção e os seus trabalhadores, a marca francesa tem estado nos pés do mundo. 

Na imagem, a lista de desejos do mês de maio. 


€14,94, Livro "Está tudo F*dido" de Mark Manson, na Wook // €125, Ténis Veja, modelo V-10, no Net-a-Porter // €12,99, Chapéu de palha, Stradivarius // €70, vestido Monaco, Mahrla Store // €55,20, carteira Noémia com alça, Shop Charlotte

- Andreia Rodrigues

8 Presentes para o dia da mãe

30 de abril de 2019

D.R.
No próximo domingo, 5 de maio, é dia de celebrarmos a pessoa que dá os melhores abraços, os melhores conselhos, ralha quando é preciso, não deixa que nada falte, e que está disponível noite e dia para o que for preciso. Como é óbvio, estamos a falar da Mãe.

Presentes à altura de todo o amor que ela dá não existem, e garantimos que nada a deixa mais feliz do que um abraço e um beijinho dos filhos. No entanto, e por mais que ela diga "não gastes dinheiro comigo", a mãe merece sempre um presente extra. 

Sugerimos-lhe oito presentes para este Dia da Mãe.

€25, t-shirt 'cool mum', Rust and May // €17,99, mochila Dia da Mãe, Parfois //  €219, colar, Tous // €75, bouquet de flores, The Florist // €13,41, livro "Recomeça", de Sofia Castro Fernandes, Wook // €39,50, coffret The Ritual of Sakura, Rituals // €88,55, perfume 'La vie est Belle', Lâncome, na Sephora // €39,90, pack Spa, Odisseias, na Fnac


- Andreia Rodrigues

"Vai Anitta": o documentário que tem de ver neste fim de semana

30 de março de 2019

D.R.

A cantora Anitta completa hoje 26 anos de vida e, se é fã do seu trabalho, temos o plano ideal para si. O documentário "Vai Anitta", lançado em Novembro de 2018, em parceria com a Netflix, conta com seis episódios dedicados à sua vida, dentro e fora dos palcos. 
Nesse documentário pode ficar a par de todos os desafios que a jovem percorreu até ao sucesso internacional que tem hoje em dia. Vinda de uma família humilde, a cantora relata a sua infância e o início da sua carreira, com todos os seus sucessos, medos e como foi capaz de gerir o seu negócio e crescer.
O documentário conta ainda com vários testemunhos, desde familiares e amigos de infância, até aos seus colegas, com quem trabalhou e fez parcerias, como é o caso da Rita Ora, Jojo Todinho, Alesso e J. Balvin. É também possível ver os bastidores dos videoclipes e concertos, onde se vê o lado mais profissional da cantora.
Por outro lado, o documentário mostra também o seu lado mais pessoal, com a relação que mantinha, naquela época, com o seu ex marido, Thiago Magalhães. Podem ver-se ainda imagens do seu casamento, numa cerimónia reservada para os dois, no mesmo local, na Amazónia, onde gravou o videoclipe da música "Is That For Me", com Alesso.
Uma produção que é também caracterizada pelo "woman power" da cantora, que relata, na primeira pessoa, os momentos em que se foi a baixo, deixando-se levar pela pressão do trabalho. Anitta conta que passou por momentos de depressão e como conseguiu ultrapassá-los.

D.R.


-Joana Beja

5 filmes para ver no Dia do Pai

19 de março de 2019

D.R.
No Dia do Pai, sugerimos cinco longas-metragens sobre o amor entre pais e filhos. Para ver com o pai, com o pai dos filhos, com os filhos, com as mães ou até sozinha, porque vale sempre a pena passar o serão a ver um bom filme. 

Para sempre, talvez... (2008)
William Hayes (interpretado por Ryan Reynolds) está a divorciar-se da sua mulher e mãe de Maya (interpretada por Abigail Breslin), a filha que têm em conjunto. Num dia à noite, a filha pede-lhe que conte a história de como conheceu a mãe e de como era a vida antes de se casar. William começa a contar tudo, desde 1992, mas altera os nomes das três mulheres com quem se envolveu e de quem fala, de forma a que Maya tente adivinhar qual das três é a mãe. A história é envolvente e só quase no fim é que Maya acerta, mas vale a pena ver como a relação entre o pai e a filha se desenvolve até ao último minuto do filme. 

Era uma vez... um Pai (2004)
Também conhecido como Jersey Girl, este filme conta a história de Ollie Trinke (interpretado por Ben Affleck), um homem com um bom emprego, a mulher que amava ao seu lado e uma filha a caminho. No entanto, a vida de Ollie desmorona-se quando, no parto, Gertrude (interpretada por Jennifer Lopez) morre. A juntar à tragédia, Ollie perde o emprego e é obrigado a voltar para New Jersey, para casa do pai, para criar a filha. Mais uma história sobre o laço que une um pai e uma filha e sobre o aprender a apreciar as pequenas coisas da vida (que são as melhores de todas). 

O pai da noiva (1991)
Não é fácil para um pai ver a filha crescer, certo? Tudo piora quando, apesar de o pai ainda a imaginar com cinco anos, ela aparece em casa a dizer que tenho um namorado e vai casar. De repente, George Banks (interpretado por Steve Martin) tem um casamento para organizar e, ao mesmo tempo, tem de aceitar que a filha cresceu e já não é a menina que fazia sempre tudo com o pai. Aproveite para fazer sessão dupla e veja o segundo filme 'O pai da noiva 2' (1995), no qual George descobre que vai ser avô e pai ao mesmo tempo, pois a filha Annie e a mulher Nina estão ambas grávidas. 

I am Sam - A força do amor (2001)
Sam Dawson (interpretado por Sean Penn) é um homem com um atraso intelectual e a capacidade de uma criança de sete anos. Sam tem uma filha, Lucy (interpretada por Dakota Fanning), que, ao fazer sete anos, começa a ultrapassar intelectualmente o pai. Uma assistente social fica atenta à situação e quer que Lucy seja entregue a um orfanato pois acredita que Sam não tem capacidades para cuidar da filha. Para conseguir ficar com a filha, Sam conta com a ajuda de Rita Harrison (interpretada por Michelle Pfeiffer), a advogada que o vai representar. Mais um filme que nos conta a história de um pai que, apesar das capacidades limitadas, está disposto a lutar pela guarda da filha, e nos mostra que, no fim de contas, nada mais importa para além do amor.

À noite, no museu (2006)
Larry Dailey é divorciado (interpretado por Ben Stiller) e tem a seu cargo o filho de 10 anos, Nick. Ao fim de vários empregos mal sucedidos, Larry é contratado como segurança noturno no Museu Americano de História Natural. No entanto, quando a noite chega, Larry descobre que as figuras do museu ganham vida por causa de um artefacto egípcio raro. Para proteger o artefacto e o museu, Larry conta com a ajuda de algumas figuras históricas e do filho Nick. Mais uma vez, se estiver no mood, aproveite para ver os filmes 'À noite, no museu 2' e 'À noite, no museu 3: o segredo do Faraó'.

- Andreia Rodrigues




11 sugestões de presentes para o Pai

11 de março de 2019

Definitely Maybe (2008)
O dia do Pai celebra-se a 19 de março, o que significa que falta apenas uma semana para o dia em que se dá aos pais um mimo extra. Já sabe o que vai oferecer ao seu pai? Escolhemos 11 presentes possíveis para celebrar esta ocasião. E não se esqueça do abraço e de mostrar ao seu pai o quanto gosta dele. 
€8,90, "Conversas com o meu pai" de Gotham Chopra e Deepak Chopra, Wook // €3,85, Vinho Pai, no El Corte Inglés // €67,55 Hugo Boss, na Sephora // Pantufas Mr. Wonderful, na Fnac // €20, CD Queen, na Fnac // €99,99, Gira-Discos Crosley, na Fnac // €190, caneta Caran d'Ache, no Mr. Porter // €23, caneca Star Wars, na Fnac // €19,95, Camisa Zara // €130, sapatos Berlot Lisboa // €99,99, Mochila Zara

- Andreia Rodrigues 

March Wishlist

3 de março de 2019


Chegou março, o mês em que regressa a Primavera, a hora muda para o horário de verão, e as flores voltam a desabrochar.
Março é também o mês em que se celebram as mulheres, embora por aqui o façamos o ano inteiro. Para comemorar o Dia Internacional da Mulher, que acontece a 8 de março, o Net-a-Porter juntou-se a seis designers para que cada um criasse uma t-shirt exclusiva para apoiar a Women for Women International. A nossa favorita é a da Victoria Beckham, mas estão todas disponíveis no site. Todas as vendas das t-shirts revertem a 100% para a Women for Women International.
Veja as restantes peças da nossa wishlist do terceiro mês do ano. 

€190, T-shirt "I am her.", Victoria Beckham, no Net-a-Porter // €15,21, Livro "O Poder da Meditação" de Rute Caldeira, Wook // €13,95, Agenda Mr. Wonderful, na Pop the Bubble // €55, Colar Gone Rouge, Cinco // €32, Creme de Corpo "Favorito", Claus Porto // €15-45, Mapa de Estrelas personalizado com dia especial, Mapa de Estrelas // €395, Carteira Mercês Sand, Manjerica // €92, Reeebok Classic, na Spartoo

- Andreia Rodrigues 



Dupe vs Réplica: Conheça as diferenças!

1 de março de 2019


Um dupe e uma réplica são dois conceitos que, muitas vezes, são confundidos e que as pessoas até consideram ser a mesma coisa. É verdade que ambas as palavras se referem a produtos que se assemelham a outros, de outra marcas, mas com preços mais acessíveis. Contudo, existem algumas diferenças, que na hora de comprar um produto, é muito importante que tenha conhecimento delas. 
Primeiramente, um dupe é um produto que foi inspirado noutro, ou seja, que é semelhante a um produto de uma outra marca, mas que tem a sua própria marca, embalagem, nome e ingredientes. Para exemplificar, podemos referir que os produtos da Primark são muitas das vezes, inspirados noutros produtos de outras marcas, sendo por isso dupes. A Primark assume a sua própria identidade enquanto marca, mas fabrica os produtos com inspiração noutra marcas, usando os seus próprios ingredientes.

2.Primark Amber Passion Palette - €3.50

Por outro lado, uma réplica é um produto que foi totalmente copiado de outra marca, ou seja, usa o mesmo nome, uma embalagem igual e faz-se ainda passar pela marca. Para além de não ser legal, estes produtos podem ser perigosos, na medida, em que não se sabe qual é o seu fabricante, nem os ingredientes que são usados para os produzir, uma vez que a embalagem é igual e os ingredientes que são indicados, são os do produto original. Neste caso, temos como exemplo os produtos que são vendidos em plataformas digitais, como o Ebay e o Aliexpress, que são bastante conhecidos por venderem todo o tipo de réplicas. 
É ainda importante realçar que estes produtos podem ser prejudiciais para a saúde, sendo que não é aconselhável que os experimente, uma vez que, não sendo o fabricante reconhecido, este, não está registado. Quando uma marca e respectivos produtos, são legalmente registados, eles passam por várias normas legais para serem comercializados e com os ingredientes devidamente identificados.
2. A réplica pode ser encontrada com preços que começam por $1

- Joana Beja

10 regras de estilo de Olivia Palermo

28 de fevereiro de 2019

D.R.

Conhecida inicialmente por ter participado no programa The City (2008-2010), criado pela MTV para mostrar a vida pessoal e profissional de jovens mulheres que viviam em Nova Iorque, Olivia Palermo rapidamente se tornou numa it-girl e uma fashion influencer, mesmo antes de as redes sociais terem o seu boom. Desde então, colaborou com muitas marcas para criar coleções e estabeleceu o seu nome na indústria da moda, sendo presença habitual nos desfiles das principais fashion weeks. E o que é que a distingue? É fiel ao seu estilo, está sempre impecável e mostra-nos que é possível estarmos sempre no nosso melhor, quer usemos uma camisa com jeans ou um vestido mais elaborado.
Fomos analisar o que veste e contamos-lhe os melhores conselhos de Olivia Palermo:

Uma camisa branca não tem de ser aborrecida
As camisas brancas já não são o que eram. Hoje em dia tem modelos oversized, com aplicações, com as mangas compridas, sem colarinho, como preferir. Varie conforme o que gosta.

Aposte nos essenciais
Quer seja uma t-shirt branca, uma camisa, um biker preto ou uma camisa de ganga, Olivia já nos provou muitas vezes que estas peças são intemporais e podem ser usadas nas mais variadas ocasiões e das mais variadas formas.

Os ténis podem ser elegantes
Hoje em dia também já existem ténis para todos os gostos. E podem ser usados com tudo, desde calças de ganga a um fato.

Os sapatos não têm de ter salto
Ainda com foco nos pés, Olivia Palermo já nos mostrou nas mais variadas vezes que, por mais simples que seja a roupa que temos vestida, os sapatos podem fazer toda a diferença. E não têm de ser de salto alto, já que a fashion expert usa loafers, sabrinas, entre outros modelos, muitas vezes.

Invista nas malhas
As malhas não servem só para nos mantermos aquecidas no inverno. Se forem bonitas e bem combinadas, podem fazer a diferença no conjunto final. Mostramos alguns exemplos:

Na dúvida, aposte em preto e branco
Não há como falhar.

Use o mesmo tom da cabeça aos pés
Este pode ser um dos truques mais antigos de styling, mas é um dos melhores. É rápido, é fácil, e fica sempre bem.


Não se esqueça dos padrões
Sejam flores, quadrados, riscas (verticais), ou bolinhas. Ajuda a quebrar a rotina do monocromático.

Aposte nos acessórios (e num bom par de óculos de sol)
Quase todas as vezes em que nos deparamos com looks de street style de Olivia Palermo, ela está de óculos de sol. E dão todo um ar diferente ao conjunto final. Outra coisa que Olivia faz é apostar nos acessórios, quer sejam uns brincos statement ou um colar ou anel. Também fazem toda a diferença.

Uma noiva não tem de usar vestido
Pode usar duas peças, tal como fez Olivia Palermo. Tendo em conta os preços exorbitantes dos vestidos de noiva, pode aqui encontrar uma opção para gastar menos dinheiro e ir igualmente elegante. Simplesmente não poderíamos deixar de mostrar o quão bem estava Olivia Palermo no dia do casamento com Johannes Huebl.
D.R.

- Andreia Rodrigues

Óscares 2019: prémios que supreenderam, discursos de girl power e uma passadeira vestida de rosa

25 de fevereiro de 2019

A 91ª cerimónia de entrega dos Óscares aconteceu esta madrugada. À falta de apresentador,  a festa começou (e muito bem) com a atuação dos Queen com Adam Lambert. A banda tocou e cantou "We Will Rock You", seguida de "We Are The Champions", e o público aplaudiu de pé.

Passando para os vencedores da noite, "Green Book" foi uma surpresa ao ganhar o Óscar de Melhor Filme (prémio que achavam que ia ser atribuído a "Roma" ou "Bohemian Rhapsody"). O filme, dirigido por Peter Farrelly, venceu ainda nas categorias de Melhor Ator Secundário, com Mahershala Ali, e Melhor Argumento Original
Nos vencedores, destaca-se ainda "Roma", que venceu em três das 10 categorias para as quais estava nomeado, Melhor Realizador, Melhor Fotografia e Melhor Filme Estrangeiro. "Bohemian Rhapsody" venceu o Óscar de Melhor Ator, atribuído a Rami Malek pela sua interpretação de Freddie Mercury, bem como o de Melhor Montagem, Melhor Edição Sonora e Melhor Mistura de Som
Sem surpresas, a "Shallow" de Lady Gaga, interpretada com Bradley Cooper, venceu o Óscar de Melhor Canção Original

O grande derrotado da noite foi "A Favorita". Das dez nomeações, venceu apenas na categoria de Melhor Atriz, com a interpretação de Olivia Colman. Na categoria de Melhor Atriz Secundária, acreditava-se (ou eu acreditava!) que o Óscar seria atribuído a Rachel Weisz ou Emma Stone, ambas no filme "A Favorita". O prémio foi entregue a Regina King, pela sua (não menos incrível) interpretação na longa-metragem "Se Esta Rua Falasse". 

Destaque ainda para o Óscar de Melhor Curta-Metragem Documental, atribuído a "Period. End of Sentence", disponível na Netflix. O documentário, realizado por Rayka Zehtabchi e produzido por Melissa Berton, pretende chamar à atenção para o estigma que ainda existe à volta da menstruação. No discurso em que aceitavam a estatueta dourada, Melissa Berton termina a dizer "a period should end a sentence, not a girl's education".

Mas este não foi o único discurso cheio de girl power. Na verdade, ao longo da cerimónia, prémios e discursos ficam para a história por bons motivos. Ruth Carter e Hannah Bleacher foram as vencedoras do Óscar de Melhor Guarda-Roupa e Direção de Arte, respetivamente, pelo filme "Black Panther". Foram as primeiras mulheres afro-americanas a vencer nessa categoria. Num discurso inspirador, Ruth Carter afirmou que "quando pensares que é impossível, lembra-te de dizer 'eu fiz o meu melhor, e o meu melhor é suficiente'". 
Num discurso igualmente inspirador, Domee Shi, a primeira mulher a vencer o Óscar de Melhor Curta de Animação, dedicou o prémio a "todas as meninas por aí escondidas atrás dos seus cadernos", aconselhando-as a "não terem medo de contar as suas histórias ao mundo". 
No discurso em que aceitou o Óscar de Melhor Canção Original, também Lady Gaga disse "que se tens um sonho, luta por ele. Exista uma disciplina para a paixão, e não importa quantas vezes és rejeitada, cais ou és espancada. Importa é que te levantes e sigas em frente". 

E não podemos falar de Óscares sem falar da passadeira vermelha, certo? Este ano, a red carpet foi dominada pelo rosa e os metalizados, ou pela junção dos dois, como fez Emilia Clarke, em Balmain.
Emilia Clarke. Foto: D.R. 

Nos vestidos rosa, destacamos Gemma Chan, vestida por Valentino, e Kacey Musgraves, com uma criação Giambattista Valli. 
Gemma Chan e Kacey Musgraves. Foto: D.R.

Nos metalizados, destaque para Glenn Close, Brie Larson, Emma Stone, em Louis Vuitton, e Jennifer Lopez, com um vestido Tom Ford. 
Brie Larson, Jennifer Lopez, Emma Stone e Glenn Close. Foto: D.R. 

Como já dizia Ivone Silva, na rábula Olívia Patroa e Olívia Costureira, "com um simples vestido preto, eu nunca me comprometo!". Assim sendo, o preto foi a escolha de Ashley Graham em Zac Posen, Allison Janney e Lady Gaga em Alexander McQueen.
Ashley Graham, Allison Janney e Lady Gaga. Foto: D.R.
Na cor, destacamos o Versace amarelo de Constance Wu, o Louis Vuitton azul de Laura Harrier e o Elie Saab vermelho de Jennifer Hudson. 
Constance Wu, Laura Harrier e Jennifer Hudson. Foto: D.R.


- Andreia Rodrigues



Sabe quais os riscos de não ter uma boa noite de sono?

22 de fevereiro de 2019

D.R.
Este artigo é para todas as pessoas que:

A) dormem menos de 7 horas por noite
B) têm dificuldade em adormecer 
C) não largam as tecnologias antes de dormir
D) todas as respostas acima.

Um dos maiores problemas da sociedade moderna é dormir pouco. Lembra-se da última vez em que dormiu nove horas seguidas? Provavelmente não (embora esperamos que sim). 
Ficamos acordados até altas horas da noite a passar o dedo nas publicações do Instagram, a ver episódio atrás de episódio na Netflix, ou até a ler um livro de que estamos a gostar muito e que não pode esperar para o dia seguinte. A acrescentar a isso, estamos a pensar no dia que passou, no dia de amanhã e nas mil e uma coisas que têm de ser feitas. A verdade é que a vida corrida que experienciamos nos dias de hoje é tudo menos benéfica para a saúde do nosso sono. Deitamo-nos cansadas e acordamos cansadas.  Não saímos de casa sem esconder as olheiras com o corretor. Mas o cansaço interior não é tão fácil de resolver. 

"Deitar cedo e cedo erguer dá saúde e faz crescer", diz o ditado que todas ouvimos desde crianças, e não poderia estar mais certo. Dormir é essencial e "em Portugal, ainda não se valoriza o sono como algo essencial para o nosso bem-estar", alertou o presidente da Associação Portuguesa do Sono, Joaquim Moita, em declarações à Agência Lusa. Mas afinal, quantas horas precisamos de dormir? Os especialistas defendem 7 a 9 horas de sono, para um adulto. No entanto, é preciso ter em conta as necessidades de cada um, pois há pessoas que precisam de dormir mais, e outras menos. Respeite o seu relógio interior.

Quais os riscos de não dormir uma boa noite de sono? Segundo um vídeo criado por Matthew Walker, professor de neurociência e psicologia na University of California Berkeley e autor do livro 'Porque Dormimos?', não dormir afeta a habilidade do cérebro criar novas memórias, de controlar as nossas emoções e de perceber as dos outros. Também afeta a memória, a criatividade, está ligada ao aumento de apetite, ao défice de atenção nos jovens e Alzheimer nos idosos. Com a falta de sono, o sistema imunitário também sofre, o que pode fazer com que fique doente mais facilmente e envelheça mais cedo. A privação do descanso está também associada ao aumento da probabilidade de desenvolver cancro, diabetes e problemas cardíacos. 
Ler todas as consequências de não dormir o necessário parece-nos motivo suficiente para que nos comecemos todas a preocupar em pôr o sono em dia (à noite).

Sabemos que não é fácil desligar o cérebro no meio de uma vida atarefada. Por isso, se nem a contar carneirinhos consegue adormecer, atente nos conselhos que pode (e deve) começar a implementar na sua rotina noturna:

  • Deite-se e levante-se todos os dias à mesma hora (mesmo ao fim-de-semana). O nosso corpo gosta de rotinas, e com o tempo até deixa de precisar de despertador. 
  • Mantenha o quarto escuro e com uma temperatura amena.
  • Use a cama unicamente para dormir. Desta forma, o corpo associa que, ao se deitar, é hora de descansar.
  • Não faça refeições pesadas antes de se deitar, e evite café, álcool ou refrigerantes. 
  • Evite o telemóvel, televisão e outros ecrãs algum tempo antes de dormir. Prefira antes um livro. Acompanhe a leitura com uma música relaxante.
  • Caso não consiga mesmo dormir, experimente tomar um banho relaxante ao fim do dia e coloque umas gotas de óleo de lavanda na almofada. 
  • Evite recorrer a comprimidos para dormir, pois não resolvem o problema. Causam dependência e chega a um ponto em que só dorme se os tomar. Por isso, tente contornar a situação adotando os conselhos acima, e recorra a este método apenas se lhe for recomendado pelo médico. 

Apresentamos-lhe, em baixo, algumas coisas que a vão ajudar a preparar-se para uma boa noite de sono. Bons sonhos! 


€29,99, pijama Zara Home // €5,99, máscara para os olhos H&M // €54, vela Jo Malone London, no Net-a-Porter // €62, óleo de banho Deep Relax, Aromatherapy Associates, no Net-a-Porter // €3,99, chá Boas Noites, Yogi Tea, no Celeiro // €19,50, spray de almofada L'Occitane // €9,90, kit de sono this works, na Sephora

- Andreia Rodrigues



Espelho meu, espelho meu, há algum mais bonito do que o meu?

21 de fevereiro de 2019

D.R.

Um espelho é muito mais do que o objeto que usamos para nos ajudar a maquilhar ou para ver como fica o outfit. Lado funcional à parte, é uma peça que traz um outro encanto a qualquer divisão, em especial se for pequena, pois dá a sensação de que o espaço é maior.

Quer prefira um espelho mais simples ou um mais trabalhado, há opções para todos os gostos. Veja as nossas sugestões.


 1: €79,99, Zara Home // 2: €74,99, La Redoute // 3: €79,99, Zara Home // 4: €29,99, H&M Home // 5: €249, Kinda Home // 6: €79,99, Conforama // 7: €199, Kinda Home // 8: 99,99, Ikea

- Andreia Rodrigues

10 batons para hidratar os lábios neste inverno

20 de fevereiro de 2019

D.R.
Já todas sabemos que nos meses frios de inverno a nossa pele tende a ficar mais seca, e que é obrigatório reforçar a hidratação.
No caso dos lábios, a pele é mais fina, e como estão sempre expostos ao frio, ficam facilmente secos, gretados e irritados. Para além de não ficar propriamente bonito andar com os lábios assim, todas nós conhecemos a dor horrível de quando arrancamos pele seca do lábio, certo? Certo! Não quer voltar a senti-la, pois não? Nós também não, e por isso não dispensamos um bom batom hidratante.

Durante esta estação é fundamental que "não se esqueça dos seus lábios e não os lamba [para os humedecer quando estão secos]", adverte Nazanin Saedi, diretora de cirurgia laser e cosmética dermatológica na Jefferson University Hospitals, em entrevista ao Philly Voice, reforçando que "é muito importante hidratar."

Para além de terem o poder de hidratar, acalmar, reparar e suavizar os lábios, os batons e bálsamos vêm em embalagens compactas e cabem em qualquer carteira, por mais pequena que seja. Não há desculpas para lábios secos ou gretados. Veja as nossas escolhas.
1: €10,95, Dr.Jart+, na Sephora // 2: €10,63, Oh Yeahh!, na Sweet Care // 3: €10,55, Frankbody, na Sephora // 4: €3, Too Cool for School, na Sephora // 5: €5,49, Neutrogena, na Well’s // 6: €16,55, Sol de Janeiro, na Sephora // 7: €8,45, Dr. PAWPAW, na Lookfantastic // 8: €4,95, Burt’s Bees, na Lookfantastic // 9: €2,20, Vaseline, na Notino // 10: €4,99, Carmex, na Well’s

- Andreia Rodrigues

Porque é que as histórias de amor reais não são contos de fadas?

19 de fevereiro de 2019

D.R.

Desde que somos pequenas que lemos, ouvimos e vemos histórias que são uns verdadeiros contos de fadas, com príncipes e princesas que viveram felizes para sempre. Todas a histórias têm um final feliz, as princesas são bonitas e os príncipes encantados.
Crescemos com a ideia que um dia, também nós poderemos encontrar o nosso "príncipe encantado", e nem na adolescência essa ideia passa, com todos os filmes que nos mostram relacionamentos quase perfeitos, também eles com finais felizes. Chegamos à vida adulta completamente enganadas a achar que também o nosso relacionamento pode ser perfeito.

A verdade é que não é, nem nunca poderá ser, por um simples motivo: nós não somos perfeitos, somos humanos. Os relacionamentos não têm encontros perfeitos, príncipes encantados, sem chatices, desentendimentos ou imperfeições. Não, um relacionamento é muito mais complexo do que isso. É um compromisso no qual temos de trabalhar diariamente, em conjunto, para dar certo. Não é por acaso que existem cada vez mais casais a divorciarem-se. Não é fácil fazer com que as coisas resultem.

Em primeiro lugar, precisamos de aceitar que a pessoa que está ao nosso lado tem defeitos, tal como nós também temos, e que vamos ter de lidar com isso diariamente. Esses defeitos e essas diferenças de personalidade são, muitas das vezes, o motivo principal das discussões dos casais.
O segundo desafio da relação começa no momento em que se ganha mais confiança com a pessoa, quando já estão há algum tempo juntos e começa também a rotina. A rotina dos casais pode ser a "morte" do relacionamento. É importante percebermos que a paixão pode não durar para sempre e que é importante que façam coisas novas, que vos obriguem a sair da rotina do dia a dia.
Outro ponto fundamental numa relação é falarem abertamente, sem medos ou receios, falarem quando sentem que algo não está bem, ou sobre o que podem fazer melhor. Se não falarem um com o outro podem nunca perceber o que está a correr mal. Porém, se forem sempre honestos e estiverem os dois dispostos a lutar pela relação, vão encontrar sempre uma forma de contornar ou ultrapassar os problemas em conjunto.

No fundo, é importante percebermos que quando assumimos um compromisso com alguém não podemos esperar que esse alguém seja um príncipe ou uma princesa e que vai ser tudo perfeito, porque acreditem que nem o Príncipe William (ou Harry) o é, ele também tem defeitos. No entanto, se lutarem e trabalharem sempre pela vossa relação vão perceber que têm uma pessoa ao vosso lado com a qual podem contar sempre, para partilharem uma vida em conjunto, que é o que realmente importa.

- Joana Beja

Latest Instagrams

© Mulheres da Vida Airada. Design by FCD.